fbpx

On Demand Delivery (Entrega sob demanda)

chamada-post-site-novo-orlando3

Série Amanhã – Edição 02/2017 – Revista Logística – IMAM (Clique aqui para acessar a revista)

O que fazer para implementar uma operação de entrega sob demanda?

Você tem que cuidar de três coisas: captação do pedido, produção e entrega.

Em termos de captação do pedido o enfoque tradicional é ser feito pela empresa produtora ou varejista por telefone ou instalar uma plataforma virtual no seu próprio site. Outras formas são utilizar Apps e provedores de serviço especializado.

No caso da produção pode ser feita por um único produtor ou por múltiplos produtores, ampliando as possibilidades de oferta.

Finalmente em termos de entrega o enfoque tradicional é do produtor ou varejista se responsabilizar pela entrega, contratar um prestador de serviço ou ainda delegar para o responsável pela plataforma virtual.

Com isso temos 4 possibilidades que variam entre todas as etapas serem realizadas pela loja física e do outro lado todas as etapas serem realizadas pela plataforma virtual, conforme representado e exemplificado no quadro a seguir

 

Quadro 1 Diferentes Modelos de On Demanda Delivery

Modelo

Pedido Produto Entrega Exemplo

Loja física

Pelo Site do varejista ou fone Pelo varejista Gerenciada pelo varejista

Disk pizza convencional

Loja virtual

Pela Plataforma virtual Pelo varejista Gerenciada pelo varejista

Saraiva Livraria

Grubhub, Eat 24

Seamless

Serviço virtual

Pela plataforma virtual Pelo varejista Gerenciada pela plataforma virtual

I foods

Post mates

Caviar,UberEats

100% Virtual Pela Plataforma Virtual Produção própria ou varejo proprio Gerenciada pela plataforma virtual

SOS Presentes

Sprig, Maple

Munchery

 

Por tras destas operações está conceito do Problema da Ultima Milha. Um item produzido do outro lado do mundo, passa por vários países antes de chegar no pais de destino e toda esta operação logística custa de forma unitária muito menos do que a entrega dele ao cliente final a partir do distribuidor. O custo de percorrer a ultima milha é muito mais caro do que toda a operação. Por que? Por problemas de escala (já discutimos isso no primeiro artigo da série).

Uma das soluções mais adotadas para isso é a postergação (post-ponement) onde adia-se parte da montagem do produto para pontos mais a jusante da cadeia de suprimentos e com isso preserva-se os ganhos de escala.

Exemplos são vários. Tintas para a construção civil tem a cor definida no ato da compra e preparada na frente do cliente na própria loja misturando pigmentos a uma base. Com isso o nível de estoque é reduzido pois temos apenas um item a ser mantido ( tinta branca de base). Outro exemplo clássico é a Beneton que so realiza o tingimento de suas roupas depois de definida as cores da estação.

O desafio agora é incorporar agilidade nestas operações e garantir entregas de pedidos em menos de 24hs.

Achou a entrega sob demanda uma oportunidade para o seu negócio? Faça uma operação piloto junto com seus embarcadores ou varejistas. Se for de sucesso você terá um novo segmento a explorar.

 

Orlando Fontes Lima Junior
Professor Titular da UNICAMP.
Coordenador do LALT Laboratório de Aprendizagem em Logística e Transportes
Sites das empresas citadas neste texto e no artigo da revista Logística do IMAM.

LINKS:

https://www.amazon.com/AmazonFresh/b?ie=UTF8&node=10329849011

https://eat24hours.com/

https://www.grubhub.com/

https://www.ifood.com.br/

https://www.instacart.com/store/fairway-market/storefront

https://www.lalamove.com/hongkong-eng/home

https://maple.com/

https://munchery.com/

https://rush.uber.com/how-it-works/

http://www.saraiva.com.br/entrega-no-mesmo-dia

https://www.seamless.com/

http://sospresentes.com.br/presente-com-entrega-rapida-imediata

https://www.sprig.com/

https://postmates.com/

https://www.trycaviar.com/

https://www.ubereats.com/sao_paulo/

 

Deixe-nos um comentário

Translate »